A ANA tem violado as obrigações de serviço público - VIATURISTA A ANA tem violado as obrigações de serviço público - VIATURISTA
A ANA tem violado as obrigações de serviço público

A ANA tem violado as obrigações de serviço público

80

A ANA – Aeroportos de Portugal, tem estado “reiteradamente violar as obrigações de serviço público” e “prejudicar o país”, afirmou ontem o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita.

As declarações do ministro, tiveram lugar no final da reunião da Estrutura de Monitorização da Situação de Alerta e de Contingência devido á pandemia de covid-19.

Questionado sobre um eventual reforço no aeroporto de Faro com inspetores do SEF face à decisão do Governo britânico de excluir Portugal continental do chamado corredor aéreo, o ministro foi claro, referindo-se às filas nas chegadas do aeroporto de Faro.

“O SEF tem pleno recursos de meios, mas temos um problema grave que é a ANA, que tem reiteradamente violado as suas obrigações de serviço público e mantém fechada a sala de verão do aeroporto de Faro. Isto pode determinar a criação de filas que não tem a ver com o SEF, que tem os meios necessários, mas tem a ver com a ANA, que provavelmente por razões económicos considera que estamos no inverno”, disse o ministro.

Eduardo Cabrita sublinhou que os meios do Serviço de Estrangeiro e Fronteira são mais do que suficientes. Nos aeroportos, os procedimentos de saída dos passageiros são muito mais rápidos do que os das chegadas, que exigem um maior controlo documental.

Agência Lusa

Share this:



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.