Cresce a preferência por Mini Férias em autocaravana - VIATURISTA Cresce a preferência por Mini Férias em autocaravana - VIATURISTA
Cresce a preferência por Mini Férias em autocaravana

Cresce a preferência por Mini Férias em autocaravana

A realidade pós confinamento, alterou para já, os hábitos de viagem dos portugueses. Se antes da chegada do Covid 19, uma parcela significativa da população portuguesa, optava por atravessar fronteiras para a descoberta de novos destinos ou diferentes experiências de férias, o cenário é agora bastante diferente, sobretudo enquanto não houver uma solução eficaz no combate à pandemia.

A Indie Campers, empresa portuguesa líder no aluguer de autocaravanas a nível europeu, tem observado esta alteração nas preferência de viagem.

Desde o início de Junho, a empresa registou um aumento de 470% nas reservas domésticas por portugueses, face ao mesmo período do ano passado. Este aumento coincide com uma expectável inversão do perfil geográfico dos viajantes de autocaravana em Portugal: em 2019, apenas 15% do total dos viajantes da empresa em Portugal eram cidadãos nacionais. Em 2020, entre aqueles que reservaram no decorrer do último mês, essa percentagem cresceu para 65%.

Estes dados confirmam o diagnóstico divulgado pela empresa no início da pandemia. Entre as tendências previstas pela Indie Campers encontravam-se o crescimento significativo do turismo nacional, com maior foco no turismo de natureza, no conceito de micro-férias e no crescimento generalizado de road trips como opção de viagem. Relativamente às micro-férias, as reservas mais recentes, tem destacado a preferência dos portugueses por viagens de ida e volta, mais curtas e próximas de casa, em detrimento de viagens de um único sentido, com Lisboa a ser o destino que concentra 58% das reservas, seguido do Porto e Faro.

O autocaravanismo é comprovadamente uma opção mais flexível, livre e segura para viajar, numa comunhão com a natureza, potenciando o inédito das experiências e do imaginário dos viajantes à escala global.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *