Os EUA suspendem a proibição das viagens de cruzeiro - VIATURISTA Os EUA suspendem a proibição das viagens de cruzeiro - VIATURISTA
Os EUA suspendem a proibição das viagens de cruzeiro

Os EUA suspendem a proibição das viagens de cruzeiro

67

Os Estados Unidos, abriram a porta ao regresso das viagens de cruzeiro, em águas nacionais, com o levantamento das restrições, a partir de hoje, desde que as companhias, cumpram os protocolos específicos e exigidas pela autoridade de saúde, para o setor, ao nível da segurança e responsabilidade.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, decretou um conjunto de medidas que a indústria de cruzeiros deve implementar para retomar as operações, com destaque para a prevenção nos navios e destes para as comunidades visitadas durante as viagens.

A medida visa “proteger a saúde e segurança públicas, nas operações de navios de cruzeiro com capacidade para transportar pelo menos 250 passageiros, em águas sujeitas à jurisdição dos Estados Unidos” lê-se no comunicado daquela entidade..

“Esta decisão pretende mitigar o risco de surtos de COVID-19 nos navios e evitar que passageiros e tripulantes sejam os causadores de surtos nos portos e nas comunidades onde vivem”, refere Robert Redfield, o responsável do CDC norte americano.

“O CDC e a indústria de cruzeiros têm um objetivo comum, que é proteger a tripulação, os passageiros e as comunidades, continuaremos a trabalhar juntos para garantir que todos os procedimentos de saúde pública, estejam em vigor antes dos navios de cruzeiro darem início ao embarque de passageiros”.

Durante as fases iniciais, os operadores de cruzeiros devem demonstrar conformidade com os testes, quarentena e isolamento, bem como com os requisitos de distanciamento social para proteger os membros da tripulação e desenvolver a capacidade laboratorial necessária, para testar o tripulação e posteriormente os passageiros.

Nas fases seguintes estão previstas, viagens simuladas com voluntários no papel de passageiros para testar a capacidade dos operadores de cruzeiros, na mitigação do risco COVID-19, certificar os navios que garantem os requisitos específicos e retornar às viagens de passageiros, com a segurança e mitigação do risco COVID-19 entre passageiros, tripulantes e comunidades visitadas.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos, assegura que continuará a atualizar as normas e recomendações especificadoras dos padrões básicos de segurança e intervenções de saúde pública, com base nas melhores evidências científicas que forem conhecidas.

Share this:




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.